Mais um ano
Pensar o ano em número de revistas parece loucura, mas é o que fazemos aqui na Jobson Brasil. Meses se transformam em edições, e quando menos esperamos, chegamos a 100ª edição em outubro deste ano, completando 15 anos de existência, comprovando e solidificando a Universo Visual como a principal revista do setor oftálmico brasileiro. Em dezembro, quando você estiver com a edição 103 em mãos, nós aqui na redação já estaremos em ritmo de número 104.
Esse é o método de contagem parece que faz o tempo correr mais rápido. Mas não reclamamos. Não reclamamos porque a Universo Visual nos proporciona o privilégio de assistir de camarote ao desenvolvimento invejável da oftalmologia brasileira. Desenvolvimento científico, tecnológico, político e social (por que não?), e nos coloca em posição privilegiada que não fica atrás de nenhum país do mundo.
E que prova melhor desse potencial do que o 61º Congresso Brasileiro de Oftalmologia, que reuniu a nata da especialidade, proporcionou conhecimento, troca de experiências e vivências tecnológicas até alguns anos atrás jamais pensadas? Esse foi um encontro marcado pela excelência!
Para o ano que vem, esperamos continuar assim – navegando sempre em direção a excelência – para mantermos a qualidade desta publicação. Esse é o nosso compromisso.
Ao querido amigo (e editor) Marcos Ávila, nosso muito obrigado pela ajuda a cada edição. E a vocês, queridos leitores, nossos sinceros desejos de boas festas.

Até 2018!

Flavio Mendes Bitelman
Publisher – fbitelman@universovisual.com.br

Caros colegas,
Está é a última edição da Universo Visual de 2017, um ano muito produtivo para oftalmologia brasileira em muitos aspectos como a publicação de novos códigos no Rol da ANS, a atualização dos valores pagos pelo SUS para a nossa especialidade, os avanços tecnológicos no diagnóstico e tratamento, as inúmeras defesas de tese e publicações nos nossos periódicos indexados, as muitas atividades científicas em todo País que culminaram com o excelente 61º Congresso Brasileiro de Oftalmologia, em Fortaleza, além de tantos outros acontecimentos. Tudo isto acompanhado de perto e com muita informação pela Universo Visual que a cada ano se consolida como uma das mais importantes publicações da nossa especialidade.
Nosso leitor vai se beneficiar com atualizações clinicas, dentro da nossa linha de educação médica continuada, com temas variados incluindo a neoplasia escamosa da conjuntiva, os testes genéticos trazendo maior acurácia diagnostica nas doenças hereditárias especificamente nas distrofias retinianas e com a matéria sobre as enxaquecas oftálmicas causa frequente de doença monocular temporária e incapacitante, muito comum no dia a dia do consultório. Dentre os artigos de informação da prática operacional destacamos a experiência de grandes serviços nacionais que disponibilizam condutas dos seus protocolos de cirurgia segura e atendimento clínico. Fica claro na matéria que “qualidade para o paciente é se sentir confortável, acolhido e seguro”, segundo Ronald Cavalcanti. Todo nós enfrentamos dificuldades na elaboração de pareceres técnicos para muitas situações que envolvem o complexo arcabouço jurídico brasileiro. O excelente artigo do Fábio Morais esclarece o tema da visão monocular os direitos e restrições dos pacientes, as leis e as mais variadas definições sobre o tema. Passa a ser doravante orientação segura nesta matéria.
A partir de janeiro, o CBO terá novo presidente, o Professor José Augusto Alves Ottaiano. Feliz da classe que tem o privilégio de ter líderes como o Ottaiano, preparado e com disposição para o trabalho dioturno em nosso favor. Além dos seus muitos predicados e conquistas na carreira profissional e acadêmica ele é um dos poucos que conhecem profundamente o CBO e a oftalmologia brasileira e a julgar pela sua entrevista priorizará o ensino da especialidade, a saúde pública ocular, a vertente da nossa inserção adicional na atenção básica, a oftalmologia na medicina suplementar e estará na vigília constante no exercício ético da especialidade, dentre inúmeros outros projetos.
Amigo Ottaiano, desejamos a você e a nova diretoria, com apoio de toda nossa classe, uma gestão de muito êxito a frente do Conselho Brasileiro de Oftalmologia.

Boas Festas e Feliz 2018!

Marcos Ávila
Editor clínico